fbpx
O WPA2 foi quebrado! E agora?

O WPA2 foi quebrado! E agora?

O sistema WPA2 é uma criptografia existente no router da sua empresa (e da sua casa), e que permite que não haja um ataque informático à sua rede de wi-fi. De acordo com a Wi-Fi Alliance este é o atual sistema-padrão de todos os routers.

De acordo com eles, o mesmo é também super seguro, uma vez que é complemente impossível quebrar a criptografia….

Pois bem, a verdade é que essa impossibilidade realmente aconteceu, e são imensos os rumores de que o WPA2 foi quebrado.

O que é que isso significa? Pois bem, de forma simples significa que a segurança incorporada no WiFi é provavelmente ineficaz, e não deve assumir que tenha neste momento qualquer segurança proveniente do router.

Como manter a minha empresa segura sem o WPA2?

Uma série de ataques contra o WPA2-PSK demonstraram ter sucesso num grau limitado, sendo que a WPA2 Enterprise (ou seja, a configuração de router para as empresas) mostrou-se um pouco mais resistente (contudo, não é sinal que não haja algum problema de futuro).

Assim sendo, é importante que siga algumas dicas.

1 – Mantenha a calma

Tenha sempre em mente que existe uma quantidade limitada de segurança física oferecida pela rede WiFi. Desta forma, para que haja um ataque deste género à sua empresa, é preciso que haja proximidade.

Assim sendo, a sua empresa não vai de repente ficar vulnerável. Além disso, é provável que a empresa não tenha muitos protocolos dependentes da segurança WPA2 (no caso de ter é essencial que contacte com o departamento de informática e solicite uma alteração urgente dos protocolos de segurança).

Desta forma, muito provavelmente pode continuar a aceder a um site através do seu browser padrão sem correr nenhum risco extra (até porque o mesmo é sempre acedido com uma camada separada de criptografia).

2 – Evite determinados equipamentos

Embora a maioria das empresas invista fortemente em computadores de alta qualidade e em sistemas de segurança, a verdade é que se tiver algum equipamento que devido, em muito, ao seu valor seja um pouco mais fraco, evite utilizá-lo.

Isto porque, os equipamentos com pouca segurança interna, são mais vulneráveis a ataques devido à quebra da criptografia do WPA2.

3 –  Investa numa segurança redobrada

Lembre-se que para quem quer proteger as próprias informações de olhares curiosos e criminosos, todo cuidado é pouco.

Assim sendo, as conexões WiFi, apesar de apresentarem uma comodidade extrema, podem também representar um perigo constante se não forem bem configuradas.

Fale com um técnico especializado de informática e peça uma vistoria completa à segurança da sua empresa, mas também às próprias configurações de segurança do router.

Nestes casos, mas vale prevenir do que de um dia para o outro ver o parque informático da sua empresa sofrer um ataque informático e você perder todas as informações que são essenciais para o correto funcionamento da sua empresa.

Se precisar de algum apoio nesse sentido, não hesite em contactar-nos pois estamos à sua inteira disposição para analisar essa questão.